Analysis and improvement of production efficiency in a construction machine assembly line

Main Article Content

Alidiane Xavier
Murilo de Melo Gonzalez

Abstract

The increased competitiveness in the market encourages the ongoing development of systems and production processes. The aim is to increase production efficiency to production costs and waste be reduced to the extreme, allowing an increased product competitiveness. The objective of this study was to analyze the overall results of implementing a Kaizen philosophy in an automaker of construction machinery, using the methodology of action research, which will be studied in situ the macro production process from receipt of parts into the end of the assembly line , prioritizing the analysis time of shipping and handling. The results show that the continuous improvement activities directly impact the elimination of waste from the assembly process, mainly related to shipping and handling, improving production efficiency by 30% in the studied processes.

Downloads

Download data is not yet available.

Metrics

Metrics Loading ...

Article Details

Section
Articles
Author Biographies

Alidiane Xavier, Federal Institute of São Paulo

Brazilian, graduated in Secretariat at FATEC - Technology College, currently attending to Logistics and Operations Postgraduate by Federal Institute of São Paulo. Works in the field of Import and Trade acting both in logistics and in the administrative area.

Murilo de Melo Gonzalez, Federal Institute of São Paulo

Brazilian, graduated in Mechanical Engineering at Mogi das Cruzes University, currently attending to Logistics and Operations Postgraduate by Federal Institute of São Paulo. Works in the field of Manufacture acting as Production Supervisor.

References

ADES, C. (2011) Investimento no setor de construção civil. Estado de São Paulo, São Paulo.

ASSUNÇÃO, D. S. et al. (2013) Modelo de Gestão KAIZEN e Sua Aplicação no Setor de Fertilizantes. In: 4th International Workshop Advances in Cleaner:" Integrating Cleaner production into Sustainability Strategies. p. 1-7.

BARTHOLDI III, J. J.; HACKMAN, S. T. (2011) Warehouse & distribution science: release 0.92. Atlanta, GA, The Supply Chain and Logistics Institute, School of Industrial and Systems Engineering, Georgia Institute of Technology.

CARVALHO, José Crespo de. (2010) Logística e Gestão Logística. In Logística e Gestão da Cadeia de Abastecimento. Sílabo.

CORTEZ, P. R. L. et al. (2010) Análise das relações entre o processo de inovação na engenharia de produto e as ferramentas do WCM: estudo de caso em uma empresa do setor automobilístico. XXX ENGEP–Encontro Nacional de Engenharia de Produção. São Paulo.

LAZARIN, D. F. (2010) Roteamento dinâmico de veículos: análise do impacto em atividades de prestação de serviço.

MEDEIROS, W. J. N. (2012) Abordagem heurística paralelizada para a resolução do problema do roteamento de veículos capacitados com base na estratégia, cluster first route second.

MONTEIRO, M. M. (2012) Pull Flow na Indústria Automóvel KaizenInstituteConsultantGroup. Tese de Doutorado. Universidade do Porto.

NUNES, F. L.; MENEZES, F. M. (2015) Sistema hyundai de produção e sistema toyota de produção: suas interações e diferenças. Revista Acadêmica São Marcos, v. 4, n. 2, p. 101-120.

PEINADO, J.; GRAEML, A. R. (2007) Administração da produção: operações industriais e de serviços.Curitiba :UnicenP.

PEREIRA, L. G. (2012) Simulação estocástica e métodos heurísticos paralelizados para a resolução do problema de roteamento de veículos capacitados com base na estratégia, cluster first route second.

PERGHER, I. et al. (2011) Discussão teórica sobre o conceito de perdas do Sistema Toyota de Produção: inserindo a lógica do ganho da Teoria das Restrições. Gestão & Produção, v. 18, n. 4, p. 673-686.

RAMOS, M.; Eidt, A. (2015) A filosofia Kaizen no processo produtivo da empresa Construblocos Scherer.

RAMOS, T. (2010) Gestão da Armazenagem e dos Stocks na Gestão da Cadeia de Abastecimento. Logística e Gestão da Cadeia de Abastecimento.

SAURIN, T. A.; FERREIRA, C. F. (2008) Avaliação qualitativa da implantação de práticas da produção enxuta: estudo de caso em uma fábrica de máquinas agrícolas. Gestão & Produção, v. 15, n. 3, p. 449-462.

SHIMOKAWA, K.; FUJIMOTO, T. (2011) O nascimento do Lean. Conversas com TaiichiOhno, EijiToyoda. São Paulo: Leaninstitute Brasil, Bookman.

SILVA, I. B. et al. (2011) Integrando a promoção das metodologias Lean Manufacturing e Six Sigma na busca de produtividade e qualidade numa empresa fabricante de autopeças. Revista Gestão & Produção, v. 18, n. 4, p. 687-704.

THIOLLENT, M. (2011) Metodologia da pesquisa-ação. In: Metodologia da pesquisa-ação. Cortez.

TOMPKINS, J. A. et al. (2010) Facilities planning. John Wiley & Sons.

TORRES JR., A. S. (2010) Metadecisão no modelo de gestão Toyotista. Revista de Administração Mackenzie, v. 11, n. 6.